212 720 140 | 939 430 940 infor@cparoquial-covapiedade.pt

Acompanhámos a manhã de uma das nossas cozinhas: da receção à distribuição!

07

DEZEMBRO, 2017

Infância
Sénior
Instituição

A nossa Instituição confeciona e serve cerca de 2000 refeições diárias, distribuídas por cinco cozinhas, havendo sempre a preocupação de proporcionar uma alimentação saudável e de qualidade para as nossas crianças e idosos, sendo nestas faixas etárias a nutrição fundamental para a sua saúde e bem-estar.

Todos os dias a dinâmica de funcionamento das nossas cozinhas passa por três fases: receção, preparação, confeção e distribuição. Todo este processo é fundamental para que cheguem em condições e com toda a qualidade, até às nossas crianças, as suas refeições, sendo estas fundamentais para a energia que precisam durante o dia e para o seu bom desenvolvimento.

Viemos acompanhar a manhã de uma das nossas cozinhas, do Equipamento de Infância do Bairro, para darmos a conhecer todo o processo de preparação que é necessário seguir para se garantir a qualidade das refeições que são servidas. Neste dia, a ementa foi sopa de agrião, carne com massa de lacinhos, salada e fruta, o prato da dieta faz sempre parte das opções, no caso, o prato foi carne com massa de lacinhos sem condimentos.

Cozinheira Chefe Ana Almeida com o fornecedor das frutas e legumes

Receção

Os produtos alimentares chegam todos os dias até nós diretamente dos nossos fornecedores e entregues às responsáveis das cozinhas de cada equipamento que fazem o pedido dos alimentos necessários, todas as semanas, conforme as refeições descritas nas ementas.

A primeira fase passa pela chegada dos produtos onde é testada e verificada a sua frescura, temperatura e qualidade, se estão em condições e a validade dos mesmos. No dia da visita, acompanhámos a entrega da carne, batata, fruta, legumes, ovos e pão. A temperatura da carne é sempre verificada pela responsável da cozinha através de um termómetro apropriado, sendo esta uma das regras de conformidade exigida – a verificação da temperatura dos alimentos. Nesta fase, os alimentos são também pesados para se confirmar se vieram nas quantidades certas.

 

Chegada do fornecedor da carne ao Equipamento

Verificação do peso e da temperatura da carne

Preparação

O passo seguinte é o da preparação, onde são separados os alimentos e preparados individualmente em cada espaço apropriado, divididos assim por secções: lavagem e preparação de frutas e legumes; lavagem e preparação de batatas; lavagem e preparação de carne e lavagem e preparação de peixe. Esta divisão é importante para “não misturar os alimentos, não fazer o cruzamento dos alimentos crus com os cozinhados” como salienta a chefe de cozinha Ana Almeida. Aqui são também aplicadas as regras de higiene e segurança alimentar, como por exemplo, a colocação de produto próprio para higienizar as frutas e legumes.

Lavagem e preparação dos legumes

Lavagem da carne

Confeção da carne

Confeção

Nesta fase, os alimentos chegam finalmente ao momento da sua cozedura dependendo do tipo de refeição que se pretende… cozidos, assados, grelhados, existe uma grande variedade de confeções nas nossas ementas. Depois de devidamente cozinhados e temperados pelas mãos das nossas cozinheiras, que acrescentam também o seu empenho, dedicação e habilidade nesta preparação, passam para o prato aguardando a sua distribuição.

Confeção da massa

Confeção da sopa

Distribuição

Este é o momento final em que as refeições são distribuídas no refeitório e chegam até às nossas crianças: a sopa, o prato e a fruta ou sobremesa, refletindo o resultado final de um trabalho de grande preparação e controlo em que o principal objetivo é o de agradar os mais pequenos “ver a satisfação das crianças é o ponto essencial, é muito compensador” referiu a cozinheira Mariana Cordeiro.

No Equipamento do Bairro são servidas mais de 400 refeições por dia, distribuídas pelas crianças de várias faixas etárias, desde a creche até aos meninos do 2º ciclo do CATL (Centro de Atividades de Tempos Livres), sendo os almoços servidos em diferentes horários consoante as idades e ocupações.

Distribuição dos pratos no refeitório

Mesas do refeitório no Equipamento do Bairro

Distribuição da sopa no refeitório

Almoço

Na hora da refeição, o resultado final parece agradar as crianças, ouvimos a opinião de algumas crianças sobre o que acham da comida e as respostas foram bastante positivas “a comida é boa, é comida caseira” disse o Nuno Páscoa, 9 anos, do 1º Ciclo do CATL. Ainda sobre as refeições, a colega de sala, Mariana Rebelo, afirmou “tem muitos ingredientes frescos”. A opinião destas crianças é fundamental no sentido em que comprova a sua satisfação e a qualidade das refeições preparadas na nossa Instituição.

“Ver a satisfação das crianças é o ponto essencial, é muito compensador”

Colocação da comida em amostras

A Higiene e Segurança Alimentar

Para que todo este processo seja devidamente cumprido as regras de higiene e segurança alimentar são fundamentais, devendo ser rigorosamente implementadas e seguidas. Na nossa Instituição, existe uma vigilância baseada na implementação de um sistema de Segurança Alimentar, orientado pela empresa K-Med XXI que, frequentemente, verifica se são cumpridas as regras e boas práticas de higiene e segurança alimentar nos nossos Equipamentos através de auditorias e avaliações realizadas ao longo do ano. A aposta na formação das nossas colaboradoras é também fundamental para que sejam cumpridos os requisitos, a Instituição proporciona-lhes assim formações através da K-Med e outras entidades para atualizarem e aperfeiçoarem os seus conhecimentos na área.

Preparação / Higienização da salada com produto próprio

Verificação da temperatura do prato confecionado

Para reforçar todo este trabalho, existe ainda o acompanhamento da nutricionista Joana Pires que, através da elaboração de ementas, procura apresentar variedade de alimentos com equilíbrio nutricional e saudável. Semanalmente, a nossa nutricionista Joana Pires visita cada Equipamento para dar orientações ao nível alimentar, dedicando-se à realização de atividades com as crianças sobre temas relacionados com a alimentação.

A nossa Instituição tem assim diariamente a preocupação de proporcionar às nossas crianças refeições variadas e com qualidade, apresentando uma cozinha ainda tradicional, muito própria e de excelência, com produtos frescos e de qualidade que são preparados com todo o cuidado, rigor e dedicação.

Convidamos os nossos pais a virem visitar os nossos refeitórios à hora da refeição dos seus filhos!

Deseja receber as nossas notícias ainda antes de serem publicadas?


Subscreva a nossa Newsletter.

A Instituição
O Centro Social Paroquial Padre Ricardo Gameiro é uma IPSS de matriz católica. Nasceu há mais de 40 anos no seio da comunidade paroquial da Cova da Piedade, com o objectivo de responder às necessidades sociais existentes.
Newsletter

Siga-nos

Newsletter

Gostava de acompanhar as notícias, eventos ou saber mais sobre a Instituição?
Subscreva a nossa Newsletter e receba no seu email todas as novidades.

Subscrição aceite, bem-vindo!

Newsletter

Gostava de acompanhar as notícias, eventos ou saber mais sobre a Instituição?
Subscreva a nossa Newsletter e receba no seu email todas as novidades.

Subscrição aceite, bem-vindo!

Share This